Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Utopias Concretizaveis

Utopias Concretizáveis é um espaço em busca de um mundo melhor, através dos sentidos, sentimentos e pensamentos da autora, nas suas reflexões intimistas e, quiçá, inspiradoras, marcadamente politizadas.

Utopias Concretizaveis

Utopias Concretizáveis é um espaço em busca de um mundo melhor, através dos sentidos, sentimentos e pensamentos da autora, nas suas reflexões intimistas e, quiçá, inspiradoras, marcadamente politizadas.

30
Set23

O nosso futuro

children.jpg. As crianças são o maior tesouro da humanidade! Quando era criança recebi, num Natal, a carta dos direitos da criança, presumo que da ONU, que vinha no verso de um estojo cheio de lápis coloridos para eu dar asas à imaginação e pintar...Decorei todo o texto, todos os artigos (sem querer e sem saber ler praticamente) e, ingenuamente, pensei que todos aqueles artigos legais seriam para se efetivarem, concretizarem em todo o mundo, mundo esse que eu sabia grande mas não tão grande quanto agora o percebo. Nos dias que correm, por um lado vejo, no quintal, uma fabulosa campanha de marketing orquestrada por um conjunto de pessoas que deveriam nortear os caminhos morais, espirituais e comportamentais a fazer um branqueamento espetacular do asco repugnante e criminoso que muitos dos seus membros fizeram com crianças, retirando-lhes a candura, a inocência, e, de uma forma mais, ou menos, literal, as suas próprias vidas. Os escândalos das pedofilias nas igrejas, não podem passar esquecidos e impunes por um qualquer provincianismo de ver um portugues "dos nossos" tornar-se cardeal. Um nojo!!! Os crimes cometidos por estas criaturas sempre foram abafados até à exaustão, porém a impunidade não pode ser a regra. Não pode! Por outro lado, vemos, no mundo, guerras, guerras e mais guerras, resultantes da ganância e da estupidez humana. Não teremos nunca um futuro de paz enquanto houver crianças a crescer (muitas vezes sem compreenderem porquê) com ódio no coração. Nunca teremos um futuro risonho enquanto a ganância se instalar nas mentes das crianças. Educar uma crinça não é fácil. Primeiro porque basta uma para "estragar" tudo....Se damos tudo a uma criança essa criança torna-se um adulto mau, preguiçoso e tirano. Se não damos nada a essa criança ela conforma-se com a sociedade e os valores fora do seio familiar. Existem pais narcisistas que nada dão aos filhos, nem amor, nem carinho, nem atenção, nem valores, nem um brinquedo; bem como existem pais que se anulam totalmente para agradar ao pequeno tirano, a razão de viver que passou a prioridade completa e absoluta. As crianças não são todas iguais. Se por um lado têm uma forte componente de inocência derivada da aprendizagem e compreensão reduzida do mundo que os rodeia e do mundo em geral, por outro a natureza humana também se manifesta nelas desde a nascença, pois, como falava Jean Cocteau no seu livro " as crianças terríveis" podem existir enquanto pequenos grandes lucifers, como também como anjos delicados e bondosos, muitas vezes capazes de ensinar os próprios adultos através de suas atitudes...As crianças, infelizmente para elas, estão a entrar numa fase da humanidade bastante complexa, desesperançosa, competitiva, dificil, contraditória, acéfala, e má. Porém, só existem crianças porque elas são concebidas por dois adultos de géneros diferentes. E, como adultos que são, devem e têm de ser responsáveis e responsabilizados por todos os seus actos, incluindo o acto, que deveria ser sempre uma escolha e vontade consciente conjunta de ambos na concepção e recebimento de uma nova vida. Infelizmente está muito longe de o ser. A mulher continua a ser tratada como lixo em metade do mundo. A mulher é a criada do homem, a recetora passiva (e enojada) do seu líquido diário, a criatura que serve para tudo mas que não tem voz, não tem educação, não tem trabalho remunerado fora de casa, não tem dignidade, e, quando por algum motivo deixa de prestar, é jogada fora. A falta de voz das mulheres, a falta de informação, a falta de força, faz com que esta desigualdade se tenda a perpetuar, faz com que as gerações vindouras perpetuem os mesmos comportamentos errados, os mesmos crimes, os mesmos ódios, a mesma ignorância e, por isso, perpetue um sistema economico mundial auto-destrutivo, acéfalo e crminoso, para connosco e para com a natureza e o planeta em geral. Não é nada nada dificil de ver que há criaturas mais inteligentes do que nós aqui por perto, e que, observando-nos dirão uns para os outros: "aqueles terráqueos são mesmo estupidos!!!" Pois somos

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D